02 abril 2016

[Repostando #7] Resenha: O Segredo de Emma Corrigan


Título: O Segredo de Emma Corrigan
Título Original: Can you keep a secret
Autora: Sophie Kinsella
Editora: Record
Nº de páginas: 384
Skoob
 5/5
Com humor e muito charme, ela nos apresenta a Emma, uma inglesa perto dos 30 anos, mas longe de uma definição na vida. Na memória ela guarda situações ultraconfidenciais: como perdeu a virgindade enquanto os pais assistiam Ben-Hur na sala de TV, o que pensa sobre o namorado, as peças que prega nos colegas de escritório, seu peso real.
Funcionária Júnior da Panther Corporation, uma empresa de produtos energéticos e esportivos com filiais por toda Grã-Bretanha, Emma vai a Glascow participar da reunião de marketing sobre um novo refrigerante, a Panther Cola. O que parecia uma grande oportunidade profissional se transforma num pesadelo. Como se não bastasse ter derramado a bebida num superior, seu vôo de volta para casa quase cai. Em momentos de tensão as pessoas fazem as coisas mais estranhas. E Emma Corrigan não é exceção. Acreditando estar a um passo de uma morte trágica, ela conta todos os seus pequenos pecados para o passageiro ao lado. Afinal, qual a probabilidade de vê-lo de novo? Ainda mais com vida?
Mas o destino decide brincar com a protagonista: o avião pousa em segurança e o distinto cavalheiro nada mais é que o fundador e presidente da empresa onde trabalha. E além dos segredos pessoais, Emma abriu o verbo sobre todos os colegas da Panther e suas estratégias para enrolar no serviço. Para recuperar o respeito profissional - e voltar às boas com o pessoal do escritório - Emma se mete nas situações mais inusitadas, quase novelísticas. Mas com as quais todas as mulheres acabam se identificando.




Emma Corrigan está cansada da vida que leva e em torno dela acumula muitos segredos, como, acha seu namorado parecido com o Ken da Barbie, nunca se apaixonou, mentiu muito em seu currículo, acha o café do seu trabalho horrível, odeia os crochês que a amiga dela faz pra ela, roupa o sapatos da colega de apartamento dela entre outras coisas. Na volta de uma viagem de negócios onde nada deu certo, o avião começa a ter uma turbulência. Emma tem medo de avião e já com os nervos a flor da pele ela pensa que vai morrer então começa a contar todos os seus segredos a um completo estranho, sentado na poltrona ao lado dela, mas a turbulência acaba e um dia depois ela descobre que esse completo estranho é Jack Harper, o dono da empresa pra quem ela trabalha. Emma fica desesperada porque acha que Jack irá demiti-la, ou pior, contar seus segredos a todos mundo.

Uma envolvente história que é construída com humor, romance e cenas que nos deixa viciados e ávidos para mais.

O casal principal é fofo e acho que dês de que Emma descobriu quem era Jack ficou meio na cara que ele tava gostando dela e o desenrolar dos dois juntos é um dos aspectos que caracterizam a boa narrativa.

Nunca tinha ouvido falar dessa autora, aí descobri que ela escreveu Becky Bloom. Não li o livro, só dei uma olhadinha, mas assistir o filme. O jeito dela escrever é simplesmente fantástico. Foi um dos primeiros livros chick-lit que eu li e passei a amar esse gênero.
O conflito final é bastante interessante e o desfecho ficou muito bom. Uma ótima maneira de encerrar um livro tão bom.

3 comentários:

  1. Oi, Lilian! Tudo bem?

    nunca li Sophia Kinsella, mas tenho uma colega que é louca por ela!
    Os livros desta autora britânica conquistaram o mundo! :)

    Gostei muito da resenha!

    Beijos!
    Danny
    Participe do Sorteio de Abril no Irmãos Livreiros!

    ResponderExcluir
  2. Olá Gabi! gostei da resenha estou terminando fiquei com seu numero da Sophie Kinsella e depois quero ler este também. Parabéns seu blog está lindo bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Estou doida pra ler esse livro dela. Obrigada! Beijos!

      Excluir